Passion Pit

Bem, antes do blog entrar em eterna decadência, eu resolvi postar.
O 3° ano acaba com meu tempo para entrar aqui, mas não acaba com as bandas boas.

Hoje vou falar de um grupo americano já conhecido por muitos: Passion Pit. Formada em 2007, com influências eletrônicas, ela se destacou nesse ano com o lançamento do 1° disco, "Manners".

O primeiro single do grupo, "Sleepyhead" trouxe eles para a mídia ainda em 2008; combinando samples barulhentos e "gritinhos" indecifráveis. Já "The Relling", minha faixa favorita, que foi lançada sobre toda expectativa de fans , possui uma letraa melancólica, um som particularmente noturno (se é que alguém entende) e um vídeo extremamente criativo; da vontade de sair correndo pelas ruas.



Ainda no disco, você pode notar alguma semelhança com grupos como "Friendly Fires" e até mesmo com "Vampire Weekend". As faixas váriam do rock ao disco, com todo direito à experimentação por parte do grupo.



A Rocket To The Moon (Review)

Quem acompanha a trajetória de Nick Santino na música sabe o quanto a evolução deste é aparente. Tudo começou com um projeto solo de Santino em 2006, no qual as músicas eram serenas, sem batidas fortes, com temas românticos e a utilização de alguns artifícios eletrônicos. Esse projeto foi denominado A Rocket To The Moon (ARTTM) e rendeu três EPs: "Summer 07", "Your Best Idea" e "Greetings From...". Somente este último não foi lançado independentemente, uma vez que Santino assinou com a gravadora Fueled By Ramen em agosto de 2009, logo antes de 2009, logo antes do lançamento do EP.
O contrato com a Fueled By Ramen foi definitivamente um marco no trajeto de ARTTM, pois a partir desse momento, inúmeras mudanças ocorreram, beneficiando o trabalho de Santino. Suas músicas passaram a ter a presença de instrumentos marcantes, como bateria e guitarras, fazendo com que o som tivesse uma pegada mais animada - mesmo continuando com as letras românticas e apaixonantes. Para que esse aspecto importante se concretizasse, o projeto solo passou a ser uma banda, com a entrada do baixista Eric Halvorsen, do guitarrista Justin RIchards (ex-integrante da Brighten) e do baterista Loren Brinton, que recentemente deixou a banda e foi substituído por Andrew Cook. A partir daí, a banda de Nick Santino alcançou novos níveis na carreira, tocando em grandes festivais como a Warped Tour com artistas renomados.
No início desse ano, a banda se juntou ao famoso produtor musical Matt Squire para gravar seu primeiro álbum, entitulado "On Your Side", que é lançado oficialmente hoje, dia 13 de outubro. Composto por 14 faixas, o álbum contém influência do country e do rock, resultando num som bastante diferente. Por exemplo, faixas calmas como "Baby Blue Eyes" e "On Your Side" alternam-se com faixas empolgantes como "Annabelle" e o single "Mr. Right", dando um equilíbrio perfeito no álbum.
Ainda essa semana, A Rocket To The Moon embarca na "Love Drunk Tour", onde dividirá o palco com Boys Like Girls, Cobra Starship, The Maine e Versa Emerge. Quem tiver a chance de conferir o show e a distinção entre a música de Nick Santino de 18 anos para a música de Nick Santino agora com 21, não pode perdê-la de jeito nenhum.

Cade a banda?



Bem como sabemos, ontem foi o lançamento oficial do 2°disco de estúdio do grupo Boys Like Girls. O cd ,que já estava disponível para download ilegal há vários dias atrás, não me agradou muito e a muitos fans também.

"Love Drunk" e "Heart heart heartbreak' são as melhores faixas, ou as de melhor aceitação. "She's Got A Boyfriend Now" pra mim, na primeira vez que ouvi, é uma pseudo cópia de "Wasted" da banda Cartel, aqueles versos tipo "17 and invincible".

"2 is better than 1" faz o tipo dueto romântico do cd, com a participação de "Taylor Swift" - essa faixa tem tudo para ser um single de sucesso, indo na compania de 2 artistas.

Agora, a faixa "Contagius", na hora que ouvi, pensei que tinha Bowling For Soup na minha lista de repordução. Os 10 primeiros segundos no estilo "High School Never Ends" - mas no geral, a faixa é boa.

Enfim, o disco não é nada surpreendente, a banda não se parece a mesma, o powerpop dominou o disco. A qualidade sonora, entretanto, está ótima, mostrando a evolução da banda nos últimos quatro anos.

Resumindo...

Assim que vi os clips presentes nessa postagem, eu fiquei tentada a fazer um post, mas como eu não tive tempo irei coloca-los todos aqui juntos.

Começamos com o último clip da canadense Lights, "Saviour", single do seu novo EP com o mesmo nome. Sua tendência new rave-eletronica-pop continua forte, sua voz meiga e os clips bonitinhos e animados também. :)


Continuamos com o clip lançado semana passada da banda Artist vs. Poet, com o single "Runaway" do seu EP "Artist vs. Poet"de 2008. O clip é engraçadinho, mas nada demais, e o pseudo-pé-grande é estranho, mas eu adoro essa música.


E o novo clip de uma das minhas músicas favoritas da La Roux, "I'm Not Your Toy", do seu último CD desse ano, "La Roux".


Para finalizar, irei deixar para quem ainda não viu o cover feito pelo Paramore da música "Use Somebody" do Kings Of Leon. Duas bandas que eu adoro.

3OH!3 lança novo videoclipe

A dupla de Colorado que mistura rock com música eletrônica, composta por Nathaniel Motte e Sean Foreman, lançou essa semana seu terceiro videoclipe do álbum "Want". A música "Still Around" é uma balada calma, com uma base de piano, sem muitos artíficios eletrônicos, o que a destaca das outras músicas agitadas que constituem o álbum.

Foreman é o único que canta nessa música e, talvez por isso, o único que aparece no clipe. Este foi filmado com uma flipcam, o que é fácil de reparar, pela qualidade da imagem do vídeo. Isso não significa que esteja ruim, mas seria melhor se eles tivessem o produzido de uma forma melhor, como os anteriores. Como Foreman disse em seu twitter pessoal, "Zero budget, but lots of fun"("orçamento zero, mas muita diversão"), o importante é a diversão mesmo, uma vez que eles já estão com bastante fama no mundo da música. Eles estão há 36 semanas no top100 da Billboard e já chegaram a ficar em sétimo lugar, com o single "Don't Trust Me". Além disso, concorrem na categoria "Best New Artist" (algo como "Melhor Artista Revelação") no MTV VideoMusicAwards de 2009. Para votar, clique aqui.
Agora, chega de enrolação, e vamos logo assistir ao videoclipe que é o tema principal deste post. :)

Rediscover


Confesso que venho sendo muito desleixado com o blog: a falta de tempo que o 3°colegial provoca dá nisso. Faz meses que não posto uma review decente, só vídeos e coisas rápidas; mas enfim, hoje, uma banda boa com um cd ótimo.

Vem da California a nova tendência powerpop/indie rock: Rediscover. Bem, eles não são tão novos assim, já possuem uma carreira digna com diversos lançamentos entre singles e eps. O novo disco se chama "Adaptation" e é o primeiro trabalho que ouvi da banda.

De um play no disco e seja feliz, as músicas são pautadas em temas românticos e possuem leves batidas eletrônicas. Não, eles não são mais uma daquelas milhares de bandas powerpop que acham que fazendo qualquer coisa irão estourar no Myspace (e o próprio site não anda tão bom para descobrir coisas novas).

A primeira faixa, "Vegas" é siplesmente perfeita e possui um vocal feminino (eu realmente não sei de quem). "LA" também entrou no meu grupo de favoritas, digamos que ela é a mais "balada" do cd; "Girls and Alcohol" tem um clima um tanto acústico. O disco pode ser baixado no The Coconut, confiram.




Well, you're a Hot Mess, and I'm falling for you...

Adoro escrever sobre as bandas que eu gosto, então vamos falar sobre a banda mais "badalada" dos últimos meses: Cobra Starship! O quinteto que tem seu terceiro álbum em estúdio de inéditas, Hot Mess, lançado HOJE! Continuam com sua característica electro-animado-indescritivel, que o diferencia das demais bandas que neste último CD está bem mais puxado do que no iViva La Cobra! deixando aparente que não repetem estilos nos Cds. Já que podemos classificar os álbuns quanto Punk-Pop-Electro-ALOK no "While The City Sleeps", Pop-Rock-Breakbeat no "iViva La Cobra!" e Pop-Electro-Viciante no "Hot Mess". Os três CDs me agradam de maneiras diferentes de modo que não consigo eleger o melhor (até a coletânea de remixes "Kiss My Sass" vale a pena).
Como já disse, Hot Mess foi lançado hoje, mas o CD vazou semana passada e eu não perdi tempo e já ouvi (sou fraca - nem consegui esperar o CD chegar). O álbum ganhou mais três versões deluxes que estão a venda no site da FBR. Essas edições especiais incluem duas músicas extras ("Cobras Never Says Die" e "I May Be Rude But I’m The Truth"), três remixes de GGGB (por Suave Suarez, Cash Cash e Isom Innis), um DVD com a videografia da banda e alguns episódios de CobraCamTV (episódios de poucos minutos de duração, lançados semanalmente feitos pelos membros, a série chegou ao fim ontem com a participação da Carla Perez e tá hilário, dica).
Hot Mess era o CD que todos estávamos esperando para revolucionar a banda. Mau saiu e o single Good Girls Go Bad (que tem como participação a Gossip Girl, Leighton Meester) já alcançou posições invejáveis nas paradas americanas, duas indicações para o VMA (*requebra*) como Melhor Vídeo Pop e Melhor Direção (VOTE AQUI!), a banda fará uma apresentação no Teen Choice Awards e hoje esteve no primeiro lugar de "Álbuns Mais Vendidos" no iTunes!
Apesar da capa, ainda para mim, medonha (acredito que estará no top 10 do Buzznet de "piores capas" no final do ano, rs), Hot Mess abriu e abrirá muitas portas e possibilidades para o Cobra Starship, coisa que a banda merece tem tempo e infelizmente o iViva La Cobra! não foi capaz de dar. Ainda não tenho opinião sobre todas as faixas do CD, (estou ouvindo com calma) mas as minhas favoritas no momento são: "Wet Hot American Summer", "Hot Mess", "Nice Guys Finish Last" e "Living In The Sky With Diamonds".
Discografia no Thccnt.

La Roux

La Roux é uma dupla britânica de eletropop formada pela cantora e sintetizadora Elly Jackson e pelo co-produtor Ben Langmaid. Eles se conheceram em 2006 e já em 2008 lançaram um single pela Kitsuné Music.

Agora em 2009 lançaram seu primeiro álbum, que leva o nome da banda. Ele já está estourando na Europa. O single "In For The Kill" alcançou o 2° lugar na Inglaterra e o "Bulletproff", o 1°.
Confiram o vídeo de "Bulletproff", a faixa é simplismente viciante:

"Beauty Killer": data de lançamento divulgada


O álbum de estreia de Jeffree Star, "Beauty Killer", vai ser lançado dia 22 de setembro, por uma gravadora independente do grupo Warner Music. Assim como o primeiro single, "Prisoner", o álbum promete ter influências de rock, electro e pop, que podemos perceber devido a alguns produtores: Nathaniel Motte (integrante da dupla 3OH!3), Lester Mendez (produtor de cantoras como Nelly Furtado e Shakira), Luke Walter (que já trabalhou tanto com Limp Bizkit quanto com Leighton Meester) etc.

Cabe ressaltar também que algumas faixas contam com participações especiais de membros das bandas Alkaline Trio e Breathe Carolina.
Além disso, Jeffree divulgou em seu MySpace o título das faixas desse novo CD:

1. Get Away With Murder
2. Prisoner
3. Louis Vuitton Body Bag (feat. Matt Skiba)
4. Beauty Killer
5. Electric Sugar Pop
6. Love Rhymes With Fuck You
7. Bitch, Please!
8. Lollipop Luxury (feat. Nicki Minaj)
9. Get Physical
10. Fame & Riches, Rehab Bitches (feat. Breathe Carolina)
11. Fresh Meat
12. Queen Of The Club Scene
Bonus Tracks:
13. Gorgeous
14. Party Crusher
15. God Hates Your Outfit

Vale a pena conferir o single "Prisoner", que já conta com mais de 5 milhões de plays no MySpace. Para o download desta, acesse o thccnt.

I used to be love drunk...

...But now i'm hangover.



Esta ai o mais novo vídeo do Boys Like Girls; muito bom.

O retorno...

O título não é sobre nada poético nem inspirador, é só a minha volta mesmo. Eu estive ausente do LFI por pura preguiça de escrever, e peço desculpas por isso. Então deixando o lenga-lenga vamos comemorar com um clip fresquinho: Into Your Arms - The Maine.

Into Your Arms (Official Video)


Esse mês está cheio de novidades para os fãs da banda do Arizona (Usa), o lançamento do terceiro single "Into Your Arms" (depois de "Everything I Ask For" e "Girls Do What They Want") a qual é uma das minhas preferidas do CD Can't Stop, Won't Stop, que ganhou uma versão deluxe (que vocês podem conferir no thccnt) e o lançamento do documentário chamado de "In Person", onde os membros contam como se conheceram e algumas experiência por que passaram e com direito a algumas músicas ao vivo de um show da AP Tour 2009, imperdível!
Veja o documentário online aqui!

comentário sobre o clip numa versão mais descontraída no fikdikk.

Mais: www.myspace.com/themaine

Muitos vídeos, muito bom

Segundo single do segundo álbum do Calvin Harris, a música leva o nome do cd: "Ready For The Weekend". Muito boa, o clipe é exótico, mas original e bem elaborado:



Imagine Crystal Castles, Justice e Daft Punk juntos. A dupla "You Love Her Coz Shes Dead" misturou tudo isso é fez um ótimo trabalho no seu 1° EP "Inner City Angst". Confiram o vídeo de "Dead End":



Vem da França a nova onda do new wave/grunge/club - Poney Poney - é uma dupla, e com a produção de nada menos que o "Justice", ganharam espaço no mundo musical. "Cross the Fader" é simplesmente perfeita:



Já a parceria dos "The Bloody Beetrots" junto com "Steve Aoki" resultou em "Warp" uma faixa sensacional, mas com um vídeo muito além das expectativas, muito bem produzido:


"
Por fim o mais novo (não tão novo) single do grupo francês "Plastiscines". A faixa, "Barcelona" se encontra no mais novo disco, "About Love". O vídeo foi produzido com o apoio da revista NYLON. Rock e sensualidade:


Hockey


Mais um quarteto de rock que está com tudo, a banda inglesa "Hockey" é simplesmente sensacional. Misturando rock clássico, batidas eletrônicas e um pouco de jazz ,eles conseguiram fazer barulho em sites e festivais de música independente e estão prestes a lançar seu 1°disco: "Mind Chaos".

As batidas do single "Too Fake" foram feitas para deixar ninguém parado e o single "Learn To Lose" já demonstram o estilo indierock.

Enquanto não sai o disco oficial, previsto para Agosto, podemos ouvir o "cd" vazado na net que é uma reunião com 9 demos. Simplesmente perfeito.


Panic! Novamente

O Panic At The Disco "acabou".

Recentemente Ryan Ross e Jon Walker deixaram o grupo, não me pergunte o real motivo do porque disso; a declaraçao deles define:

"Ao longo dos anos, ficamos muito próximos e honestos uns com os outros, o que nos ajudou a perceber que nossos objetivos eram diferentes e que seguir caminhos separados era realmente o melhor para cada um de nós", explica o comunicado. "Estamos [Ryan e Jon] empolgados com o futuro e vocês [fãs] deveria estar também."

Brendon e Spencer irão continuar a usar o nome do grupo e já há boatos da volta do uso da "!", a qual definiu o som do 1°disco "A Fever You Can't Swear Out".

O terceiro disco já está sendo preparado e, hoje, foi lançada um preview da nova faixa de trabalho: "Oh Glory". Eu, particularmente, gostei desses 30 segundos que me lembraram o antigo "Panic!"; estou ancioso para o lançamento do cd, apesar de não encontrar na dupla, a essência da banda.
Confiram:


Good Girls Go Bad

Ontem, finalmente, o novo vídeo do Cobra Straship foi lançado. Ele promete fazer muito sucesso, ainda mais com a participação da Gossip Girl Leighton Meester.

A música é viciante, o vídeo muito bem produzido e o final digno de vídeos da banda. Confiram:






Resumão



Então, antes do blog voltar a falir por falta de tempo, vou fazer um resumo de todas as novidades dignas dos últimos dias.

Primeiramente, o grupo Boys Like Girls lançaram o seu tão esperado novo single, a faixa "Love Drunk" que estará no disco de mesmo nome, a ser lançado em setembro. A música segue o estilo já conhecido pelos fans, bem acho que o disco deverá continuar na mesma linha do 1°.

Bem, houve também o lançamento do 3°disco do grupo The Sounds - "Crossing The Rubicon". Lançado no dia 2 desse mês, mas mesmo assim só fui ouvir agora, ele está muito bom, acho que até melhor que o antecessor. O 1° single, "No One Sleeps When I'm Awake" retoma toda a energia, ritmo e a ótima voz de Maja. Outra faixa de destaque é a "4 Songs & A Fight", ela me lembra uma mistura pop dos anos 80.



Por fim, uma dica não relevante: um single mega antigo do grupo Digitalism, é viciante; pensei que já tinha o postado aqui, mas percebi que não. Confiram, "Pogo":


Starstrukk

O mais novo single do grupo 3OH!O - que vem fazendo muito sucesso com o seu 1°disco - foi lançado essa semana. Me lembro que Starstrukk foi a primeira que ouvi deles e é uma das minhas favoritas. Não curti muito o vídeo, mas pelo som ta valendo:



Por essa ninguém esperava

A dupla MGMT lançou hoje, há algumas horas atrás, o vídeo oficial do seu single mega pop "Kids"; a música que, em quesito de popularidade, só deve perder para "Time To Pretend", já possui centenas de remixes, inclusive do Pet Shop Boys, e é escutada em todo o planeta nas melhores casas noturnas.

O vídeo, como os outros deles, não deixou de ser estranho e até mesmo bizarro; com uma pequena participação do MGMT. Confiram e tirem suas próprias conclusões:



Ninguém esperava por um lançamento assim, a faixa já possui um vídeo não-oficial com mais de 15 milhões de execuções no Youtube; essa versão é muito boa alias, confiram:

Hoje

Hoje é o dia oficial de lançamento do 4° disco em estúdio do grupo Taking Back Sunday. O álbum, New Again, na verdade foi vazado há uns 15 dias atrás, e ,seriamente, não consigo parar de ouvi-lo.

"Sink Into Me", o primeiro single, é viciante; na verdade quase todo álbum é, adotando um caratér, digamos, mais pop. Assistam ao vídeo:





A banda deve fazer grande sucesso no Brasil dessa vez, o caso do plágio do Nxzero ainda permanece aberto em diversas discussões musicais.

Voltando ao disco, "Where My Mouth Is" ganhou um grande favoritismo dos fans."Summer Man" e "Everything Must Go" são ótimas opções para quem quer conhecer o som do grupo.

No geral, ele não superou o último disco - Louder Now - e a saída de Fred fez uma grande diferença, principalmente quanto aos back-vocals que só ele sabia fazer de forma digna. Enfim, mais uma boa opção para os fans do bom é velho rock.

YYY: Novo Vídeo

O grupo Yeah Yeah Yeahs acaba de lançar seu novo vídeo do álbum "It's Blitz!".

O novo trabalho é de Heads Will Roll, uma das minhas favoritas do disco. O vídeo, na minha opinião, ficou muito bom, porém não superou o de Zero. Confiram:



Simian Mobile Tracklist!


Antes tarde do que nunca, não é mesmo?

Foi divulgada, com um certo atraso, mas ainda sim bem vinda, a tracklist completa e com todas as participações do novo disco do Simian Mobile Disco:

1 Cream Dream (featuring Gruff Rhys)
2 Audacity of Huge (featuring Chris Keating)
3 10000 Horses Can't Be Wrong
4 Cruel Intentions (featuring Beth Ditto)
5 Off The Map (featuring Jamie Lidell)
6 Synthesise
7 Bad Blood (featuring Alexis Taylor)
8 Turn Up The Dial (featuring Young Fathers)
9 Ambulance
10 Pinball (featuring Telepathe)

O vídeo da música "Synthesise", o novo single dos caras:

Os Doze!

Vamos dar valor ao que é nacional? "The Twelves" é uma dupla de DJ's, formada por João Miguel e Luciano Oliveira. São do Rio de Janeiro, mas também estão estourando na gringa. Tem suas músicas próprias, que são muito boas por sinal, mas o forte deles mesmo são os remixes.

"I'm Not Gonna Teach Your Boyfriend How To Dance With You" é um remix que eles fizeram da banda Black Kids, e que na minha humilde opinião ficou bem melhor que a original.


video

Ja essa é uma apresentação live deles da música "Get Lucky" do New Young Pony Club.


Um conceito, duas opções

Hoje vou falar de "Matt & Kim" e "Make The Girl Dance", uma dupla de indie-rock e outra de eletro. O que as duas tem em comum? Um vídeo; os primeiros tiraram as roupas nas ruas de Nova Iork e os segundos, bem não foram eles, mas algumas modelos, nas ruas de Paris.

"Matt & Kim" já possuem 2 discos, sendo o último, Grand, recentemente lançado. Conquistaram uma legião de fans em sites como Myspace e Lastfm e sim, o som é ótimo.

Lessons Learned é o 1° single de Grand, a música é linda, inclusive a letra; confiram o vídeo:



Já "Make The Gil Dance" lançará seu primeiro EP no dia 20 de junho. Seguindo tendencias francesas como Justice e Daft Punk, eles criaram uma sonoridade ótima para as pistas. O seu primeiro single, Baby Baby Baby, já critica a Yelle e o próprio Justice. Confiram:


Fixin To Thrill

Dragonette lança o seu mais novo single, Fixin To Thrill.
O vídeo, achei meio sem noção, foi lançado nessa semana, confiram:


Red


"Red" é o segundo álbum da dupla Datarock.
Fredrik Saroea e Ketil Mosnes continuam na sua jornada dance-punk após o sucesso do 1° disco "Datarock Datarock" (2005).

"Give It Up" é o 1° single, o vídeo me lembra algo anos 80 "Michael Jackson". Confiram:



A música não me surpreendeu muito, alias o disco não está em seu máximo rendimento.
Algumas faixas são ótimas; "Dance!" é uma delas, com uma batida mais suave que se transforma em uma agitada balada para as pistas de dança. "Not Me" remota ao rock oitentista e "New Days Dawn" é a mais leve, acalmando o ouvinte, nos últimos minutos do disco.

A antiga e clássica "Fafafa" do primeiro cd não conseguiu ser batida e ,com certeza, continuará entre os clássicos do estilo e na lista das minhas favoritas (a recomendo para quem nunca ouviu o som deles).

I make good girls go bad



Sim, Cobra Starship lançou o seu mais novo single, o primeiro do 3° disco (que a banda está gravando). A música conta com a participação de Leighton Meester, do seriado Gossip Girls; ela tem uma ótima voz, aliás.

A música é viciante e dançante. Ótima!





Junior




Junior é o mais novo disco da dupla norueguesa Röyksopp. Lançado em março, no site oficial, já é um sucesso nas rádios e até mesmo na tv brasileira.

O 1° single, Happy Up Here, lançado em janeiro, é uma das melhores faixas do disco, com samples baseados na faixa Do That Stuff (The Parliaments, 1976). O vídeo lembra o jogo Space Invaders e pode ser visto direto na MTV. Confiram:



O próximo single já sera lançado mês que vem, a música será The Girl And the Robot que possui os vocais por Robyn. Ela é considerada por diversos criticos como a melhor do disco, eu pessoalmente, não gostei muito; a batida é muito cansativa.

Outras músicas ótimas encontradas no álbum são Miss It So Much e This Must Be It. Sem dúdidas, excelente para os fans de música eletrônica.

Sink Into Me Completa

O novo single do Taking Back Sunday, aproveitem:

Download
(fonte)

A faixa não lembra muito o antigo TBS, mas possui boas batidas e um "hey, hey, hey" viciante. Vamos aguardar o lançamento do disco para ver.

a

King Of The Night


King Of The Night é o primeiro EP da banda curitibanda "Copacabana Club". Formada em 2007, o grupo mistura rock com eletro e transforma a bossa nova em batidas agitadas.

O disco está todo em inglês, com letras simples e originais. Possui 4 faixas e mais 2 remixes. O single, Just Do It, já está estourando nos sites como Myspace e até mesmo na MTV. O vídeo está ótimo e muito bem produzido, confiram:


20 De Abril

No dia 20 de abril o grupo Taking Back Sunday irá lançar o seu mais novo single, Sink Into Me. A música estará em seu 4° disco em estúdio, o New Again.

Confiram o vídeo com o trecho da música:


All The Time


Uma italiana, um argentino e um americano formam o grupo "Brazilian Girls"; daí vocês se perguntam o porque desse nome e, eu, atrás de uma resposta também não encontrei o motivo.


Vou falar do seu terceiro disco, "New York City". Lançado em 2008, é composto por 11 faixas que dividem letras em inglês e até mesmo em italiano. Sabina Sciubba possui uma ótima voz que encata a sonoridade que passa do pop ao downtempo.
Internacional é um experimental que mistura reagge e lembra até mesmo ritmos brasileiros (a letra cita a cidade de Salvador, entre outras). L'Interprete é praticamente calma, lembrando música clássica, acho que mais pelo vocal. Losing Myself já possui batidas ritmicas e dançantes que te levam a um clima noturno.

O grande single do disco se revela em uma agitada faixa, Good Time, que associa assobios e um refrão contagiante a um vídeo colorido e cheio de vida. Confiram:



Codinome Dinamite

Cinco garotos e uma garota formam o grupo de rock Garotas Suecas.
Com um calendário de shows tão internacional quanto o CSS, estão com tudo.

Assistam o último single, Codinome Dinamite:
O vídeo está tocando na MTV Lab Br e promete trazer novos fãns para a banda:


Reactor Party

Single mega antigo da banda de new wave e disco-punk Shitdisco.
A música é ótima, batidas dançantes e uma letra viciante; single do disco "Kingdom Of Fear" (2007).

Uma ótima opção para quem não conhece o som do grupo, assistam:



Punk Goes Pop


A coleção "Punk Goes", consagrada pelos títulos de covers envolvendo bandas de punk e hardcore, lança mais um de seus discos. Dessa vez um segundo volume da edição pop (o primeiro lançado em 2002) . O disco contém 14 faixas que vão fazer você ouvir Britney e Pussycat Dolls até enjoar.

Mayday Parade fez um ótimo trabalho na consagrada "Smooth", do Santana. Já August Burns Red, grupo de metal, usou de todo seu screamo na "...Baby, One More Time".
Attack Attack! regravaram "I Kissed A Girl", entretanto nem ficou muito original, ao meu ver, uma vez que colocaram traços eletrônicos na faixa, deixando transparecer um remix. Outra faixa não muito original foi a "Over My Head (Cable Car)", não era tão pop assim para se enquadrar no disco.

O disco vale a pena ser escutado, tanto pelos fans de rock quanto pelos de pop; uma mistura muito interessante. Abaixo o vídeo comercial, com a faixa "Apologize" na versão de Silverstein:

Estúdio: BLG


O grupo Boys Like Girls enfim anuncia a gravação de seu novo disco.
Fiquem atentos: de acordo om o blog do Myspace da banda, eles irão divulgar trechos das novas faixas em breve.
Abaixo, um vídeo feito durante as gravações:


LCD

LCD Soundsystem é o som do dia; bem conhecido no cenário eletrônico, inclusive no Brasil, aonde já se apresentou em 2007. LCD na verdade é composto por apenas uma pessoa, James Murphy, também produtor musical. Ele usa dos sintetizadores e de sua voz para criar o que definitivamente se pode chamar de belo.

Seu primeiro disco, que leva o nome do projeto, foi lançado em 2005. Cd duplo, contendo a tão conhecida "Daft Punk Is Playing In My House"; essa com certeza foi seu maior hit em terras brasilieras e você sempre irá escutá-la em casas noturnas ou na Oi.fm - eu já ouvi essa música lá umas 100 vezes. Outro single do disco é o aclamado "Give It Up". Esse primeiro trabalho realmente não irá merecer um destaque especial aqui hoje.


Vamos direto para 2007, "Sound Of Silver" foi lançado naquele ano, em março. As suas 9 faixas contemplam diversos estilos, mas são marcadas pelas suas ótimas letras. O álbum foi nomeado ao Grammy, concorrendo no melhor disco de eletrônica e dance, porém perdeu para o Chemical Brothers.

A primeira faixa que ouvi foi desse disco, "New York I Love You, But You're Bringing Me Down", ela se inicia de forma vaga e em termina elevadas batidas e guitarras marcantes. "Someone Great" foi um dos seus singles mais aclamados, tendo como tema a perda de alguém, ou a morte (visto a partir do clipe), foi representada divinamente com batidas repetitivas e 'sinos', como se pode dizer de forma mais clara; a forma como seu refrão surge marca profundamente.

Já passando pelo lado mais uptempo do disco, você encontra a "Noth American Scum", uma crítica à sociedade estado-unidense. "Time To Get Away" também entra na lista das 'animadas'.

Bem, agora só falta falar do 'hino', "All My Friends". Os seus quase oito minutos de duração nunca parecerão intermináveis, o som se repete ritmicamente; já a letra contradiz, com uma sequência repleta de sentimentos e daquilo que poderia representar uma vida inteira. A música é quase indescritível e possui um clima que somente poderá ser entendido ao ser escutada. A mídia glorificou de todas as formas, sendo escolhida entra os 10 melhores singles de 2007 pela Times Magazine. O single ainda foi representado pelo grupo Franz Ferdinand, como um b-side.

Para completar, de forma mais geral, esse review do LCD, não deixo de apresentar o single "Big Ideas". A faixa foi produzida para a trilha do filme "21" ("Quebrando A Banca"). Vale lembrar também que o LCD possui diversos lançamentos paralelos à esses, tais como EPs e especiais digitais.

Abaixo o clipe de "All My Friends":


Mercy Mercedes


Se o powepop começou a fazer muito sucesso de uns 2 anos pra cá, isso é verdade. O fato é que cada vez mais surge bandas nessa linha, eu particularmente não gosto dos rótulos, mas é por ai que a gente consegue um minimo de organização musical.

A banda da vez se chama "Mercy Mercedes", americana. Lançaram em 2008 seu último EP com o título de "1.21 Giggawatts"; o título por si próprio demonstra o estilo mais agitado do grupo. A minha faixa preferida é "Revolution", o som é particularmente legal. O single, "The Perfect Scene" não me admirou muito e me lembrou vagamente Hellogoodbye. Assitam ao vídeo:

Here i come...

Bem, férias acabaram e o blog volta a falir; poucas postagens e falta de tempo pra me atualizar. Vou postar hoje dois vídeos super antigos ( 2007) de duas bandas, uma francesa e uma canadense.

"Stuck in the Sound" é um grupo de indie/rock de Paris, acabaram de lançar seu 2° disco, "Shoegazing Kids". O vídeo abaixo é do seu primeiro trabalho, 'Nevermid the Living Dead', que é uma ótima opção para amantes de rock agitado. O single se chama 'Toyboy', o mais popular deles:



Já a minha outra dica do dia, ou da semana, é o grupo canadense "Dragonette", liderado pela linda voz de Martina Sorbaba, fazem uma mistura de eletrorock moderno. Lançaram um disco em 2007, 'Galore', os singles do álbum são perfeitos; já as demais faixas, repetitivas e cansativas. Abaixo o vídeo de 'I Get Around', um dos melhores vídeos e singles que já ouvi dentro do gênero:

Kaiser Chiefs toca MGMT

O grupo inglês Kaiser Chiefs fez um especial para a Radio 1's, no programa Live Lounge. O interessante da apresentação ficou por conta de um cover da música "Time To Pretend", do MGMT.

A faixa se transformou num acústico que de certa forma ficou muito bom, mas sem aquele ritmo todo da original. A música pode ser baixada aqui, e a apresentação pode ser vista abaixo:

Paramore também ganhou vinil

A Fueled By Ramen lançara em vinil verde, 2.500 copias do primeiro disco do grupo Paramore, "All We Know Is Falling". Ótima opção para colecionadores e fans do grupo.


Vinil do TAI

O grupo The Academy Is... lançara um vinil da seu último trabalho "Fast Times At Barrington High". O disco será azul, terá apenas 2.000 copias e conterá 2 faixas bonus, a já conhecida "Every Burden Has A Version" e a nova, pelo menos eu nunca ouvi, "Tokyo Bay". O produto pode ser comprado pelo site da gravadora Fueled By Ramen.

I wanna be trashhhh


The Whip é uma banda de eletro/rock vinda de Manchester e que trabalha atualmente com o seu primeiro disco, lançado em 2008, "X Marks Destination".

Logo no início, pela baixo sucesso no Lastfm, achei que a banda seria mais uma dessas de "uma faixa"; mas ao ouvir o disco, descobri uma longa e bem produzida sequencia de batidas. "Frustation" é a mais rock do disco, uma das minhas favoritas. Mas a chave do álbuim se encontra no single "Trash" que pode ser isto abaixo:


Crying Blood

VV Brown é uma compositora, cantora e produtora inglesa.

Atualmente esta produzindo seu primeiro disco pela Island Records, esse deverá ser lançado em maio; seu sucesso já é reconhecido por estar nas listas de promessas para 2009 da BBC e da Los Angeles Times.

A sua qualidade como cantora é vista em seu primeiro single, "Crying Blood", uma mistura de rock dançante com soul. No clipe é possível ver sua atuação como tecladista, uma paixão dela, e sua voz de tom grave. Com essa primeira canção é realmente fácil esperar algo de bom para o futuro. Assistam:

Sweaty

"Sweaty" é uma música de uma banda de eletro australiana.


Muscles, a banda, lançou seu 1°disco em 2007 alcançando ótimas posições; o álbum - "Guns Babes Lemonade" - chegou ao 1°lugar do estilo dance.

As batidas são sensacionais, já o vocal deixa a desejar, gritos e uma baixa qualidade destroem um pouco o som.

O título do post é devido a melhor, na minha opinião, composição do grupo. Na verdade, melhor ainda é o remix feito por Shazam que modificou todo a composição de vocal, criando um ambiente mais confortável aos ouvidos.

'Icecream" é a mais pop deles e "One Inch Badge Pin" entra na lista de melhores do disco.





Música em 2009?

Agora, ainda no início de 2009, resolvei postar uma lista das bandas que espero que lancem algum trabalho novo durante o ano. A maioria já está gravando ou tem certeza que irá.

Taking Back Sunday, desde de 2006 sem nada inédito (além dos dvds) tentam superar o sucesso de Louder Now. O disco se chamará "New Again" e trará consigo a nova composição da banda, já sem o Fred.

The Asteroids Galaxy Tour, sucesso com o mercham do iPod, a banda disse em entrevista que seu álbum de estréia, "Fruit", será lançado em março.

Mando Diao, a banda sueca deve lançar seu 5° album, "Give Me Fire", ainda nesse mês. Assistam abaixo o vídeo do single "Dance With Somebody":



Good Charlotte, irão lançar seu 5° disco depois do "sucesso" ou melhor dizendo, "fracasso" musical do seu último. Eu não espero muita coisa.

My Chemical Romance, não há nada confirmado, mas como já estão ai por 2 anos sem nada; provavelmente irão começar a gravar algo.

Friendly Fires


Friendly Fires iniciaram sua carreira ainda jovens com uma banda de hardcore chamada First Day Back. Essa existiu até os membros entrarem na universidade.

Durante esse período, o vocalista Ed Macfarlane lançou suas músicas para uma gravadora de eletronico. E logo após o terminio da faculdade foi-se criado a Friendly Fires. Já em 2007 começaram a fazer sucesso pelo seu país e em setembro de 2008 lançaram seu 1° disco, que leva o nome do grupo.


Paris é a faixa mãe do cd; considerado o seu single de mais exito ela possui batidas leves alternadas com um refrão que leva vozes femininas. As batidas sinteticas estão em todo o disco, trazendo um clima noturno e dançante.



 
©2009 lasting first impression |